Poéticas na animação científica: criatividade a serviço do conhecimento

maria luiza dias de almeida marques

Resumo


Neste artigo vamos investigar as maneiras como a linguagem do cinema de animação veicula ideias científicas, transmitindo conceitos complexos através de uma vasta gama de técnicas e materiais, e apelando para uma narrativa acionada tanto pelo aspecto gráfico das imagens como pelas relações propostas na montagem cinematográfica. As sequências fotográficas, o desenho animado tradicional, os infográficos animados, as maquetes animadas, as incrustações sobre imagens previamente capturadas, a computação gráfica, a holografia e o motion-capture são as formas de animação mais adotadas no campo das ciências. Através da observação de obras escolhidas, vamos apresentar aspectos do emprego das técnicas de animação em um panorama transdisciplinar, buscando identificar suas aplicações, seus limites e suas retóricas, para compreender sua dimensão poética no tratamento de fenômenos naturais e de teorias abstratas.


Texto completo:

PDF

Referências


BARBOSA JR., Alberto Lucena. Arte da animação: técnica e estética através da história. São Paulo: Senac, 2005.

DASTON, Lorraine; GALISON, Peter. Objectivité, Paris: Les Presses du réel, 2010.

DUARTE, B.J. O filme científico. Filme Cultura, Rio de Janeiro, n. 14, 1970.

GAYCKEN, Oliver. Devices of Curiosity: Early Cinema and Popular Science. [S.l.]: Oxford University Press, 2015.

KITZ, Sebastian. Dynamische Geometrie ohne Computer: Die mathematischen Trickfilme des Geheimen Schulrats Münch. Mathematische Semesterberichte, vol. 60, n. 2, 2013, p. 139-49.

LEFEBVRE, Thierry. Les débuts du cinéma scientifique: quelques jalons. Cinémaction, n. 135, Du film scienfifique et technique, co-dirigé par Philippe Dériaz et Nicolas Schimidt. Cerf, 2010.

MAREY, Étienne-Jules. La méthode graphique dans les sciences expérimentales et princi palement en physiologie et en médecine. [S.l.]: G. Masson, 1878.

_______. Recherches sur la circulation du sang à l'état physiologiques et dans les maladies, Paris,1859.




DOI: http://dx.doi.org/10.22398/2525-2828.618196-210

A Revista está listada nos seguintes indexadores e repositórios:

LATINDEX: https://www.latindex.org

PORTAL DE PERIÓDICOS CAPES: http://www.periodicos.capes.gov.br

DOAJ - https://goo.gl/f862GM

Diadorim - Diretório de Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras - http://diadorim.ibict.br/handle/1/1649

Sumarios.org - https://goo.gl/AJe9GY

LatinREV - Rede Latinoamericana de revistas acadêmicas do campo das ciências sociais e humanidades - http://flacso.org.ar/latinrev/ 

REDIB (Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico) - https://www.redib.org/

____________

ESPM Rio
Rua do Rosário 90 - Centro - Rio de Janeiro - 20.041-002 - RJ
revistadcec-rj@espm.br
ISSN 2525-2828 

 

Licença Creative Commons

A Diálogo com a Economia Criativa está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.